Janeiro Branco e saúde mental: por que é um assunto tão importante hoje em dia

Compartilhe

A campanha Janeiro Branco foi criada no Brasil em 2014 para estimular a conscientização da sociedade quanto à saúde mental e o bem-estar emocional. Impulsionador do projeto, o professor e psicólogo mineiro Leonardo Abrahão, explica que a iniciativa acontece no primeiro mês do ano com a intenção de aproveitar a simbologia do recomeço que o período sugere.

A chegada do Ano Novo oferece uma oportunidade de reflexão e perspectivas de novas possibilidades. Mas, pode também, produzir angústia a partir de uma hiperidealização da vida, trazendo sofrimento. Não à toa, logo depois das festividades de final de ano, é possível observar um aumento significativo nos índices de suicídio.

O cuidado com as emoções precisa ser um item básico para a qualidade de vida das pessoas e se torna ainda mais relevante no cenário atual de disseminação de Covid-19. Por isso, a edição deste ano do Janeiro Branco tem como slogan “Todo Cuidado Conta” e alerta para os efeitos da pandemia na saúde mental. Em pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde em 2020, ano que eclodiu a pandemia, constatou-se que 86,5% dos participantes sofriam de ansiedade, 45,5% de transtorno de estresse pós-traumático e 16% de depressão grave.

Segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde), a maioria das desordens mentais estão ligadas à depressão, ao estresse e à ansiedade, mas o maior problema são as implicações dessas doenças, que impactam diretamente no desenvolvimento de diversas enfermidades crônicas, já que a falta de atenção com a saúde mental influencia no aparecimento de outros males físicos e psicológicos. Os números de depressão no mundo giram em torno de 300 milhões, e no Brasil, os casos chegam a quase 20 milhões (cerca de 9,3% da população).

Sob essa ótica, observe algumas práticas que podem contribuir para melhorar o bem-estar vida e promover a saúde mental:

– Estabeleça uma rotina diária;

– Opte por realizar uma atividade por vez;

– Invista em hábitos de vida saudável: pratique atividade física, tenha uma dieta saudável e cuide da qualidade do sono;

– Reduza o consumo de café ou de outras substâncias que contêm cafeína;

– Evite o uso de álcool e outras drogas;

– Separe um tempo para atividades de lazer;

– Selecione bem as fontes de informação sobre a pandemia;

– Valorize a convivência social e aproveite bons momentos em família;

– Afaste-se de situações que gerem emoções negativas;

– Exercite a gratidão: todos os dias, anote ao menos 3 acontecimentos que foram importantes para você, ou atividades desenvolvidas, mesmo com dificuldade. Releia tudo ao final de cada mês para ajudar a consolidar suas memórias afetivas.

O Janeiro Branco também atenta para a importância da busca por profissionais especializados, como psicólogos e psiquiatras, quando as tentativas individuais de melhora da qualidade de vida não forem suficientes. Esses especialistas auxiliam a tornar mais amena a travessia por circunstâncias difíceis e anos desafiadores. 

Mais para explorar

Assine nossa newsletter

Ao navegar neste site, você aceita os cookies que usamos para melhorar sua experiência. Saiba mais no nosso termos de uso política de privacidade